DEMO

Blog

Faturação Eletrónica para a Administração Pública

As regras de faturação mudam em 2020 e o Odoo já está preparado

Todas as empresas que queiram continuar ou começar a trabalhar com o Estado têm de ter o seu sistema de faturação eletrónica totalmente operacional a partir do primeiro dia do próximo ano. Resta perceber as verdadeiras vantagens e implicações que estão por trás desta nova diretiva.
 
É sabido que somente uma ínfima percentagem das faturas é processada eletronicamente, o que significa que a adoção da fatura eletrónica é efetivamente baixa, levando-nos a questionar se haverá consciência dos seus reais benefícios?  
 
Na verdade, não se trata apenas de acabar com o papel, mas também – e de forma genérica – de diminuir os custos de faturação, aumentar a eficiência das empresas e o foco no negócio, garantir máxima confidencialidade da informação, controlar e prevenir extravios, melhoria da satisfação do cliente e diminuir os prazos de pagamento.
 
A somar a estas vantagens, acresce a oportunidade para alterar processos e agilizar todo o circuito de receção, contabilização e validação de pagamentos.
 
No dia-a-dia esquecemo-nos, por vezes, de contabilizar o tempo gasto na execução de tarefas administrativas, mas acredite que é muito e lembre-se que isso também se traduz em mais custos para a sua empresa. Aproveitemos então esta nova diretiva para mudar para melhor!
Por Tiago Lee Lai | 21 March 2019

Rebranding ThinkOpen

Atualizámos a nossa marca e imagem corporativa

Por Joana A. da Costa | 31 October 2018

Odoo 11 Roadshow - Lisboa

Subtitle

Por Luis Antunes | 16 August 2018

9 Qualidades obrigatórias que o seu gestor de projeto deve ter

Saiba quais as características chave e o perfil ideal

Por Luis Antunes | 9 May 2018

ERP e MRP: o que são, e quais as diferenças

Entenda a génese e o que separa estes dois tipos de sistemas de gestão

Por Carla Rangel | 18 April 2018